Como melhorar condição física?

Como melhorar condição física?

Condição física fraca geralmente manifesta-se normalmente quando estamos a tentar apanhar o autocarro, avariou-se o elevador ou pela primeira vez há muito tempo estamos a participar em uma excursão de montanha. É neste momento que começamos a ficar arrependidos de ter deixado exercício físico.

Vale a pena mudar isto e o mais importante é que é possível fazê-lo em apenas algumas semanas.

A base: atividade física

Falta de boa condição física, não é apenas a falta de exercícios regulares. Também é influenciada pela forma como comemos, se vivemos em estresse, dormimos bem, não usamos drogas e se temos vícios. Mas mesmo assim, a atividade física é a mais importante de todos estes fatores. Se não treinamos, simplesmente não estamos em forma. E isso é importante em todas as situações da vida, não só correr atrás de autocarro e subir as escadas. Quanto temos boa condição física, estamos menos propensos a ter lesões, o nosso corpo torna-se mais resistente, ganha a mente. Alta condição significa também silhueta bonita. Em duas palavras – só vantagens. O primeiro passo para melhorar a condição é então, voltar a fazer exercício.

No início pode ser difícil, especialmente se já não treinou há muito tempo, por isso certifique-se de medir as intenções com as forças. Na escolha do desporto apropriado para nós devemos ter em conta a nossa idade, estado de saúde, mas também os gostos. Independentemente de forma que vamos escolher, devemos fazer treino de intervalos. É um exercício, que que pertence aos exercícios do grupo cardio.

De forma ideal forma condição, a resistência aeróbica do corpo, melhora a função cardíaca, e também promove a queima de uma grande quantidade de calorias no curto espaço de tempo. É composto de aplicar uma intensidade de exercício variável - primeiro fazemos treino muito intenso e logo passamos para a parte de treino moderado, e assim alternadamente.

Os treinos intervalados são curtos. Basta que dure menos de meia hora, e o efeito é conseguido. No início podemos fazer alguns minutos, mas não todos os dias. Intervalos, contrariamente à opinião popular, podem ser parte do treinamento das pessoas que estão a iniciar que estão em má forma. Neste caso, deve-se presumir o nível mais moderado da intensidade do treino.


Já chega de preguiça

Se já decidimos fazer treino regular, não faz mal ao mesmo tempo cuidar de aptidão física na vida diária. Dentro do possível, podemos desistir do carro ou transportes públicos. Em vez deles podemos escolher a bicicleta ou ir a pé. Dentro de prédios podemos usar as escadas em vez do elevador. Finalmente, temos que manter a regularidade dos treinos. Não podemos fazer intervalos mais longos do que dois dias entre os treinos.


Alimentação razoável

Alimentação saudável é também um dos elementos de cuidados da nossa condição física. Se sentir a falta dela provavelmente não só estamos a mexer pouco, mas também não nos estamos a alimentar bem. Deve eliminar de sua dieta diária junk food, ou fast food, produtos instantâneos, doces e salgadinhos, substituindo-os com as refeições equilibradas, que incluem carboidratos de alta qualidade, proteínas, vitaminas e elementos necessários para o bom funcionamento do corpo. Deve desistir do pão branco, massas ou arroz branco e escolher produtos integrais, muitos vegetais legumes. Devemos também limitar a ingestão de sal e cozinhar mais em casa. A atividade física regular exige muito mais de nós em termos de nutrição, portanto, dependendo da forma do desporto, temos que descobrir, o que devemos comer.