O que pode indicar má circulação sanguínea?

O que pode indicar má circulação sanguínea?

O funcionamento correcto do organismo é possível devido à circulação de sangue arterial que fornece através de um sistema fechado nutrientes para todas as células do nosso corpo. Distúrbios circulatórios podem levar às consequências muito perigosas para a saúde.

Assim chamada circulação fraca ou insuficiente, é característica principalmente dos idosos, mas às vezes também as pessoas bastante jovens. Os sintomas mais comuns de má circulação sanguínea são pés e mãos frios ou inchados, dormência nos membros, varizes, pressão arterial muito baixa ou muito alta, desmaios, dores de cabeça, tonturas, palpitações, cansaço excessivo, palidez e pele seca. Os pés ou mãos frios de forma natural ou dormência temporária de membros não necessariamente tem que ser um sintoma de alguma doença grave. Podem ser de facto o resultado de hipoxia temporária de partes do corpo distantes do centro do controlo, então do coração, causados, por exemplo, por falta de movimento ou por ficar por muito tempo em uma posição. Se estes sintomas repetem-se e não conseguimos encontrar causas deles, é preciso ir ao médico.

Uma dass primeiras respostas à pergunta sobre a causa de distúrbios circulatórios é a aterosclerose, que é um processo inflamatório crônico que envolve vasoconstrição, devido à deposição de colesterol nas paredes. Por causa de desenvolvimento de placas ateroscleróticas, sangue não pode fluir livremente pelos vasos sanguíneos. O desenvolvimento da aterosclerose acelera por causa de obesidade, falta de exercício, diabetes, hipertensão, fumar cigarros. Como resultado de alterações ateroscleróticas nos membros inferiores, podem ser desenvolvidas doenças graves de isquêmica crônica dos membros, por exemplo, trombose, ou até mesmo necrose. A má circulação também pode ser causada pelos problemas de tireóide, problemas renais, anemia e ser resultado de má alimentação ou problemas com a coluna.